A ovelha negra da família

robert_luciani-black_sheep

Não, este não é um post sobre o clássico brasileiro, mas sobre o novo single do Robert Luciani (vocalista de uma das minhas bandas favoritas, o Means End, que infelizmente acabou recentemente). O Robert tem uma das vozes mais espetaculares da atualidade, e é um monstro no que diz respeito a domínio de técnica vocal. Se você ouvir o disco The Didact, do Means End, vai entender o que eu digo.

Eu estava ansioso por ouvir algo novo de algum membro da banda, e Black Sheep serviu pra matar a saudade.

Sente só:

 

Pelo que pude perceber, Black Sheep é um releitura da música Narcissistic Cannibal, do Korn. Entretanto, não vejo o material como um simples cover, pois o Robert refez a letra e conseguiu colocar um punch a mais na música, fazer ela soar mais agressiva (e mais legal, na minha opinião). Talvez o elemento mais polêmico seja a base bem puxada pro dubstep, que é um estilo “ame-o ou deixe-o”. Eu achei que casou muito bem com a proposta e funcionou pra deixar a música mais intensa.

Falando da letra, penso que tem muito do que vimos no Means End. Os temas abordados pela banda eram quase que sempre referentes ao intelecto e a como manter uma personalidade forte, tudo isso misturado com uma carga absurda de filosofia clássica. Aqui não temos o “fermento” da filosofia, mas a ideia segue praticamente a mesma. Como fã do Means, é claro que isso me agradou bastante e ajudou nesse processo de “matar a saudade”.

Eu realmente gostaria de ver mais material autoral desses caras. Espero que cheguem mais singles por aí!

Você pode gostar...